fbpx Formação Profissional | Cardiologia.pro

Formação Profissional

 

 

 

 

Capítulo 1

Formação Profissional

 

1. Formação Intelectual – 2. Curso de Graduação – 3. Residência em Clínica Médica – 4. Curso de Especialização – 5. Estágio Pós-Especialização – 6. Curso de Ecodoplercardiografia

 

 

  1. Formação Intelectual

Fez o pré-primário no Recanto Infantil Hospital das Clínicas da Prefeitura Municipal de São Paulo onde sua mãe era Educadora, no período de 13-02-1957 a 25-12-1963. (Doc. 01)

Fez o curso primário no Instituto de Educação Caetano de Campos na Praça da República, São Paulo, em 1964 (Doc. 02). Em seguida, fez o curso ginasial no Instituto de Educação Fernão Dias Pais, Pinheiros, de 1965 a 1968 (Doc. 05) e; o curso colegial, no mesmo, de 1969 a 1971. (Doc. 08)

 

2.   Curso de Graduação

Ao término do colegial entrou diretamente no primeiro vestibular, na Faculdade de Medicina de Santo Amaro, atualmente Universidade de Santo Amaro – UNISA.

Fez o Curso de Graduação na Faculdade de Medicina da Universidade de Santo Amaro de 1971 a 15 de dezembro de 1977  (Doc. 34).

Fez estágio obrigatório, em tempo integral, na Santa Casa de Santo Amaro, por seis meses, na clínica de Pediatria sob a responsabilidade do Prof. Samuel Schwartzmann e de seis meses em Ginecologia e Obstetrícia sob responsabilidade do Dr. Akira Nishimura, em 1976.

Fez internato de um ano de treinamento intensivo correspondente ao sexto ano do curso médico, em tempo integral, na Clínica Médica e Cirúrgica do Hospital Jaraguá, nos seguintes setores: vascular (Prof. Dr. Irany Novah Moraes); anestesia (Dr. Minoru Myazi); anatomia patológica (Dr. Luiz Celso Mattosinho-França); pneumologia (Prof. Dr. Rubens Monteiro de Arruda); cardiologia (Dr. Paulo Jorge Moffa); endocrinologia (Dr. Reynaldo Furlanetto); pronto socorro geral (Dr. José Alves de Brito); nefrologia (Dra. Regina Parada); cirurgia geral e do aparelho digestivo (Dr. Fábio Lopasso); UTI (Dr. Max Grinberg); ortopedia (Dr. Ronaldo Miragaia Perri), proctologia (Dr. Sylvio Bocchini), plantões no pronto socorro geral (580 hs.) e na UTI (460 hs.), em 1977. (Doc. 33)  

Visão Social da Medicina - No decorrer do curso médico participou voluntariamente de maneira ativa e intensa do Programa de Assistência à Saúde da Comunidade na Operação Gaspar de Oliveira Viana III, realizada entre os dias 5 e 10 de novembro de 1973, no Jardim Primavera e Parque Grajaú, em Santo Amaro, SP, exercendo as seguintes atividades: I- Execução de exame parasitológico de fezes; II- Execução de exame bacteriológico de água de abastecimento de residências; III- Aplicação de vacinas profiláticas de moléstias transmissíveis da 1a infância (Doc. 11). Participou também dos relevantes trabalhos de utilidade pública da Operação Gaspar de Oliveira Viana IV, realizada entre os dias 16 a 20 de setembro de 1974, no bairro de Campo Limpo, capital, exercendo as atividades de auxiliar de Clínica Médica (Doc. 12).

Ambas as atividades foram orientadas e acompanhadas pessoalmente pelo Professor Titular de Medicina Preventiva da Faculdade de Medicina de Santo Amaro e, na época, Delegado do Ministério da Saúde em São Paulo, o Médico Sanitarista Dr. Ananias Pereira Porto. Recebeu Diploma pelo Diretor da Faculdade de Medicina de Santo Amaro, Prof. Rubens Monteiro de Arruda; Vice-diretor Prof. João Vicente Nocera e; o coordenador geral da operação, Dr. Renato Meirelles Mariano da Costa.

 

  1. Residência em Clínica Médica

Fez Residência no Hospital Jaraguá no decorrer de 1978, em período integral, assistindo todas as reuniões e cursos ministrados no Programa, examinando, registrando a evolução clínica e prescrevendo os doentes internados na Enfermaria de Clínica Médica bem como na Unidade de Terapia Intensiva, sob a responsabilidade do Prof. Dr. Max Grinberg. À tarde atendia pacientes no ambulatório de Clínica Médica e de Cardiologia sob orientação do Prof. Dr. Paulo Jorge Moffa. (Doc. 36)

Estágio na França - No período de férias da Residência, estagiou no Hospital da Faculdade de Medicina da Universidade de Strasbourg, durante um mês, nos Serviços de Clínica Médica do Prof. Dr. J. Schwartz e no de Urologia do Prof. Dr. C. Bollack (originariamente do Serviço de René Leriche). (Doc. 37)

Na ocasião, fez uma visita ao Prof. René Fontaine sucessor de Leriche na cátedra.

Equivalência de atividades à Residência Médica – A Comissão de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo conferiu, pela avaliação das atividades, a Equivalência à Residência Médica conforme Resolução 11/77 do CFE, para fins de inscrição no Curso de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, na área de Cardiologia, para homologação da Douta Câmara de Pós-Graduação da USP. (Doc. 57)

 

  1. Curso de Especialização

Fez o Curso de Especialização em Cardiologia no Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP conduzido pelo Prof. Luiz V. Décourt, no decorrer do ano de 1979, em período integral, abrangeu toda a Cardiologia com carga didática de aulas teóricas, seminários e estágios rotativos na Equipe de Coronárias, Valvopatias, Cardiologia Geral, Congênitos e na Unidade Coronariana. Os alunos eram responsáveis por cinco leitos, registrando diariamente, pela manhã, a evolução clínica, prescrevendo sob a supervisão do R4, discutindo cada caso com o Assistente responsável e, à tarde, atendendo os doentes no Ambulatório do respectivo grupo. Semanalmente, às quartas-feiras, às 8:00 horas, havia a “Reunião de casos cirúrgicos” e, às 11:00 horas, aulas teóricas que eram ministradas também para os alunos da Pós-Graduação. Mensalmente, havia uma “Reunião anátomo-clínica” programada com o Corpo Docente do hospital. (Doc. 42)

Publicação de Apostila – As anotações pessoais assim como a gravação de todas as aulas teóricas, deram como resultado uma Apostila de 200 páginas que foi oferecida ao Professor Décourt e aos colegas. Os temas ministrados são apresentados a seguir indicando o nome do responsável entre parênteses: Endomiocardiopatia (Prof. Luiz V. Décourt); Fibroelastose (Prof. Luiz V. Décourt); Endomiocardiofibrose (Prof. Luiz V. Décourt); Doença Reumática I, II, III – Etiopatogenia, Exames Complementares, Profilaxia (Prof. Luiz V. Décourt); Endocardite Infecciosa I, II, III – Etiopatogenia, Profilaxia e Terapêutica, Fenômenos Imunitários (Prof. Luiz V. Décourt); Estenose Mitral (Prof. Giovanni Bellotti); Insuficiência Mitral (Prof. Giovanni Bellotti); Miocardiopatias (Dr. Pereira Barreto); Cardiopatias Congênitas I, II – Etiopatogenia: fatores extrínsecos, Etiopatogenia: fatores intrínsecos (Prof. Luiz V. Décourt); Cardiopatias Congênitas III, IV, V, VI – Cardiopatias Acianóticas, Cardiopatias Cianóticas, Cardiopatias do Recém-Nascido (Prof. Munir Eibaid); Cirurgia Cardíaca (Dr. Sérgio de Almeida); Estenose e Insuficiência Aórtica (Prof. Giovanni Bellotti); Cinecoronariografia (Dra. Valéria B. Carvalho); Arritmias (Prof. Fúlvio Pillegi); Hipertensão Arterial I, II – Etiopatogenia, Tratamento (Dr. Saldanha); Insuficiência Coronariana I, II – Etiopatogenia e Classificação, Tratamento (Dra. Valéria B. Carvalho); Insuficiência Coronariana III, IV – Modalidades Clínicas, Indicação de Cirurgia (Prof. Luiz V. Décourt). (Doc. 193)

 

  1. Estágio Pós-Especialização

Após terminar o Curso de Especialização, foi aprovada no exame escrito exigido para seleção de candidato ao Estágio na Divisão de Métodos Gráficos do Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Fez esse estágio sob orientação do Prof. Dr. Del Nero, de 1o de março de 1980 a 1o de outubro quando então foi contratada como Médica Assistente. (Doc. 51)

 

6.   Curso de Ecodoplercardiografia

Fez o Curso Teórico-prático de Ecodoplercardiografia de 200 horas, em período integral, de 1o a 30 de junho de 1992 ministrado pelo Dr. Jorge Moll, no Cardiolab, Rio de Janeiro. O curso intensivo diário com aula teórica de 2a a 6a feira, das 8:30 hs às 12:00 hs, ministrada com o seguinte conteúdo programático: Princípios físicos I; Correlação Eco Doppler – Anatomia; Eco Doppler Normal; Valvopatia Reumática; Princípios físicos II; Massas, Tumores e Vegetações; Comunicação interventricular – Persistência do Canal Arterial; Valvopatia não reumática; Pericardiopatia; Próteses; Análise Seqüencial; Anomalias do Tronco Conal; Funções - Cardiopatia isquêmica; Coração univentricular; Transposição dos grandes vasos; Miocardiopatias; Comunicação interatrial; Eco-transesofágico; Eco de Stress e carótidas; Cardiopatias congênitas. (Doc. 176)

Aulas práticas, no período da tarde, das 13:00 às 17:00 hs. eram ministradas pelos docentes integrantes da equipe em grupo de dois alunos para cada aparelho e assistente.

Diariamente havia ainda, das 18:00 às 20:00 hs., sessão de projeção de vídeos apresentando casos interessantes do arquivo, acompanhada de interpretação e explanação feita pelos assistentes da clínica.